Buenos Aires

Guia Definitivo Sobre Câmbio em Buenos Aires

TUDO SOBRE CÂMBIO EM BUENOS AIRES

Fazer câmbio em Buenos Aires sempre é um tema extenso e repleto de dúvidas. Isso porque durante muitos anos, ainda que você fosse morador estrangeiro ou turista, era bem difícil fazer câmbio seguro na cidade. Os “arbolitos”, como são conhecidos os cambistas de rua, faziam qualquer câmbio e muitas vezes passavam notas falsas.

P

Porém, hoje está muito mais seguro trocar dinheiro no país. Então aproveite as minhas dicas abaixo. E saiba todas as opções e, recomendações, para fazer câmbio atualmente. Além de outras dicas relacionadas a dinheiro, bancos, cartões, entre outros.

Nesse artigo você encontra:
  • Como é o sistema de câmbio
  • Melhor trazer dólar ou real?
  • Documentos necessários para fazer câmbio
  • Horários de banco e casas de câmbio
  • Sobrou pesos e quer trocar de volta? Saiba como
  • Devolução de impostos (Tax Free)
  • Cartões de crédito e cartões pré-pagos
  • O que precisa para abrir conta?
  • Quais os bancos que existem aqui

TUDO SOBRE CÂMBIO EM BUENOS AIRES

O Sistema de Câmbio em Buenos Aires

E

Embora desde dezembro de 2015, o governo tenha parado de informar valor para o dólar paralelo. E sendo assim, passou a valer uma única cotação na Argentina: a oficial. Ainda assim você vai encontrar 3 tipos de câmbio em Buenos Aires:

  • O câmbio oficial, que é encontrado nas casas de câmbio autorizadas e nos bancos.
  • O câmbio paralelo, ou “dólar blue” como é chamado, que é o câmbio ilegal praticado pelos cambistas nas ruas.
  • E ainda é possível encontrar o câmbio que é negociado em restaurantes, comércios, passeios, espetáculos, etc.

TUDO SOBRE CÂMBIO EM BUENOS AIRES

Melhor Dólar ou Real?

A

A melhor moeda para trazer para Buenos Aires na verdade é indiferente. Isso porque tanto o dólar quanto o real são muito bem aceitos em termos de cotação e facilidade de câmbio. 

Porém, se você vai viajar para outras cidades na Argentina é mais fácil trocar dólar mesmo. Mas, o mais importante para a sua segurança, é sempre trocar dinheiro direto nas casas de câmbio e nos bancos. Dessa forma você evita os riscos de pegar notas falsas.

TUDO SOBRE CÂMBIO EM BUENOS AIRES

Documentos Para Fazer Câmbio em Buenos Aires

P

Para fazer câmbio você só precisa um documento de identificação que pode ser o seu RG ou o seu Passaporte. Em primeiro lugar, troque no Brasil o dinheiro suficiente para a chegada em Buenos Aires. Ou seja, chegue com dinheiro para pagar o transporte, algum lanche, gorjeta. Sugiro pelo menos 1000 pesos. Consulte com a CambioStore onde encontrar o melhor câmbio na sua região.

O restante você pode trocar aqui. Porém, é muito importante que você faça o câmbio, evitando assim pagar tudo em moeda estrangeira. De outra forma, você vai perder dinheiro já que sempre dão um jeitinho de te cobrar a mais.

Troque no Brasil o dinheiro suficiente para a chegada em Buenos Aires. Consulte com a CambioStore onde encontrar o melhor câmbio na sua região.

BANCOS E CASAS DE CÂMBIO

O Banco de La Nación tem uma agência aberta 24h e 365 dias do ano no aeroporto de Ezeiza. E no Aeroparque das 6h à meia noite, também 365 dias do ano. O horário de funcionamento normal dos bancos na cidade é das 10h às 15h.

Casas de câmbio existem em toda a cidade. Mas certamente nas ruas Sarmiento e San Martín, que ficam bem próximas à rua Florida, no centro, é onde você encontra várias facilmente. Essas funcionam de segunda à sexta em horário bancário.

Cotação Oficial na Argentina: Banco Nación

TUDO SOBRE CÂMBIO EM BUENOS AIRES

Sobrou Dinheiro e Quer Trocar de Volta?

S

Se o valor for grande é melhor fazer o câmbio de maneira oficial em uma casa de câmbio ou em um banco. Para isso, você deve ter em mãos o ticket de venda de dólares/real da operação que você realizou quando entrou no país.

Em contrapartida, se o valor for menor a $1000 (mil pesos), calcule se não é melhor gastar com o transporte (aeroporto, terminal de ônibus). Ou de repente comprando  alguma lembrancinha.

TUDO SOBRE CÂMBIO EM BUENOS AIRES

Devolução de Impostos (Tax Free Shopping)

Os turistas estrangeiros podem pedir a devolução do imposto IVA (VAT)

  • nas compras dentro do país (Argentina)
  • de bens de produção nacional
  • com valor igual ou superior a $70 (setenta pesos argentinos)
  • e que tenham sido adquiridas nos comércios aderidos ao sistema Tax Free da “Global Blue Argentina”

Para realizar o reembolso, siga esses passos:

  1. Na loja: em primeiro lugar, comprar em locais que mostrem o logo Tax Free e pedir o formulário de reintegro (guarde essa palavra).
  2. Na Aduana argentina: segundo, ao sair do país, em qualquer oficina da Aduana argentina (aeroportos, portos fluviais ou postos de fronteira), mostrar as faturas junto com suas compras e seu passaporte e pedir para carimbar (sellar) os formulários de reintegro recebidos.
  3. Terceiro lugar, cobrar o reembolso do imposto: pode ser em efetivo, por cartão de crédito o cheque bancário. Você tem até como calcular antecipadamente quanto será.

Se você precisar fazer essa operação, chegue com tempo no local do embarque porque pode demorar para conseguir fazer todo o trâmite.  Lembrando que o reembolso do IVA em hospedagem é automático.

TUDO SOBRE CÂMBIO EM BUENOS AIRES

Cartões de Crédito e Pré-pagos

C

Cartões são aceitos mas não em todo lugar. Portanto, sempre pergunte antes de fazer um pedido em um restaurante, caso esteja pensando em pagar com cartão, por exemplo.

Se você está planejando usar cartão aqui, solicite no seu banco, antes de sair de viagem, o desbloqueio do cartão para uso no exterior. E consulte quais as taxas que serão cobradas em caso de uso. Portanto, pagar com cartão nem sempre é a melhor opção.

É possível sacar dinheiro da sua conta de um banco no Brasil em qualquer banco daqui pelas redes LINK ou BANELCO. Porém, essa também não é uma boa opção,  já que o câmbio costuma ser desfavorável. Além disso, o seu banco pode te cobrar taxas extras em caso de saques. No entanto é importante você saber que tem essa alternativa, até porque muita gente vem para morar.

PARA FAZER SAQUES VOCÊ PRECISA:

1 – Deixar sua conta desbloqueada para saques no exterior durante o período da sua viagem. Para isso, avise o banco antes de viajar.

2 – Consultar com o banco qual será a taxa cobrada por cada saque, além do IOF.

O que você precisa para abrir conta na Argentina

É necessário ter:

  • DNI
  • CUIL
  • comprovante de residência daqui
  • depósito inicial.

Não é possível abrir conta como estrangeiro usando passaporte ou documento de outro país, em situação nenhuma atualmente. 

OS BANCOS QUE EXISTEM NO PAÍS SÃO:


Banco do BrasilBanco BradescoBanco Itaú
ABN AMROBanco de Tierra del FuegoBanco Piano
American Express BankBanco de ValoresBanco Provincia
BACSBanco del ChubutBanco Provincia del Neuquén
Banco B.I. CreditanstaltBanco del SolBanco Regional de Cuyo
Banco BradescoBanco del TucumánBanco Roela
Banco CetelemBanco del UruguayBanco Saenz
Banco CiudadBanco do BrasilBanco Santa Cruz
Banco CMFBanco FinansurBanco Santander Río
Banco CofidisBanco GaliciaBanco Supervielle
Banco ColumbiaBanco HipotecarioBank of America
Banco ComafiBanco IndustrialBank of Tokyo-Mitsubishi UFJ
Banco CredicoopBanco ItaúBBVA Banco Francés
Banco de CórdobaBanco JulioBICE
Banco de CorrientesBanco MacroBNP Paribas
Banco de FormosaBanco MarivaCitibankDeutsche
Banco de La PampaBanco MasventasBankHSBC
Banco de San JuanBanco MeridianBankICBC
Banco de Santiago del EsteroBanco Municipal de RosarioJPMorgan
RCI BanqueBanco NaciónMBA Lazard
Nuevo Banco del ChacoBanco PatagoniaBanco De Inversiones
Nuevo Banco de Entre RíosNuevo Banco de La RiojaNuevo Banco de Santa Fe
Banco de Servicios y TransaccionesBanco de Servicios Financieros

 

Facilite seu roteiro reservando nesse post

Boa viagem e boas férias!

Beta

Alguns dos links acima são fruto de uma parceria comercial entre o DePasseioPor e a empresa sugerida. E sem nenhum custo adicional para você, eu ganho uma pequena comissão se você fizer uma compra. Essa renda serve para apoiar este site e mantê-lo grátis para você e todos os demais! Saliento que aceito parcerias comerciais apenas de empresas que conheço. E publico apenas informações que julgo relevantes para meus leitores e que possam auxiliar no planejamento de suas viagens. Conheça a política de remuneração do DePasseioPor.

O que achou do artigo?

Pin It