Conhecendo os Bosques de Palermo em Buenos Aires

Com mais de 80 hectares é um dos maiores espaços verdes de Buenos Aires. O Parque Três de Fevereiro, popularmente conhecido como Bosques de Palermo, foi inaugurado em 1875, por iniciativa do presidente Domingo F. Sarmiento. A partir de 1892 passou por numerosas reformas e ampliações a cargo de Carlos Thays (o principal paisagista que trabalho na Argentina no final do século XIX começo do XX). E Possui um importante número de atrações turísticas.




Entre os pontos turísticos se destacam:

O Monumento de los Españoles
Um imponente monumento que praticamente marca um ponto de chegada ao parque. Foi um presente da coletividade espanhola à cidade de Buenos Aires em 1910, por ocasião do centenário da Revolução de Maio.


O Rosedal
Um dos lugares mais incríveis da cidade e que em 2012 foi premiado, com o Garden Excellence Award, outorgado pela Federação Mundial das Sociedades de Rosas (WFRS). É um jardim com mais de 18000 rosas rodeado por um lago. Ali, além das rosas, podemos apreciar o Jardim dos Poetas, um jardim Andaluz, presente da cidade de Sevilla a cidade de Buenos Aires, uma linda ponte branca e majestosa conhecida como Ponte Helênica ou Ponte Grega e mais diversas esculturas.


Museu Eduardo Sívori
Esta casa de estilo pitoresco, localizada frente ao Rosedal de Palermo, convida a conhecer uma coleção de arte argentina: tecidos, pinturas, esculturas, gravuras e desenhos. As primeiras obras estão datadas de fins do século XIX; as últimas chegaram ao museu através do Prêmio Manuel Belgrano, evento que distingue artistas de todo o país.
 


O Planetário Galileu Galilei
É o principal centro de divulgação da astronomia da cidade. Em sua sala de projeções semi esférica, com 360 poltronas reclináveis e uma cúpula de 20 m de diâmetro, é possível ver aproximadamente 8900 estrelas, planetas e satélites do Universo. Além disso, são projetados documentários temáticos, graças a uma tecnologia imersiva que permite desfrutar de uma definição, cor, movimento e realismo surpreendentes.
 


O Jardim Japonês
É um dos lugares mais calmos e relaxantes da cidade. Foi inaugurado em 1967, devido à visita do imperador do Japão, Akihito, e sua esposa Michiko. Em 1977, foi redesenhado sob a direção do engenheiro paisagista, Yasuo Inomata. No parque, há um edifício que abriga um centro cultural, um restaurante de cozinha japonesa, um viveiro e uma loja de artesanatos japonês. 
 
Curiosidades: Sabia que na zona do Parque Tres de Febrero se encontrava uma das milongas (salões para dançar tango) mais importantes da historia do tango? Era “Lo de Hansen”, que foi o local noturno mais popular da cidade entre 1895 e 1910. Estava localizado na esquina das Avenida Figueroa Alcorta e Sarmiento onde hoje se encontra o Planetario.

Onde fica: Av. Sarmiento e Av. del Libertador, Palermo

Local público e de acesso gratuito 24h.  

Veja o vídeo do passeio clicando aqui

Opções de hotéis na região: Koten Hotel - Reserve online

As dicas e sugestões neste artigo e artigos relacionados são apenas para fins informativos e auxiliares, e não podem ser base para qualquer reclamação contra o blog DePasseioPor.
 

CONVERSATION

0 comentários:

Postar um comentário

Instagram

@depasseiopor