Entenda porque a terça-feira 13 é o dia do azar na Argentina


Nas culturas da España, Grécia e alguns dos países da América Latina, como Argentina , Chile e Venezuela, a terça-feira 13 é considerada um dia de azar.

Em espanhol existe um antigo refrão que explica em parte a superstição:  

En martes, ni te cases, ni te embarques, ni de tu casa te apartes

Na terça-feira nem te cases, nem embarque, nem da tua casa te afaste.

Muita gente, com fobia a este dia, realmente não viaja a nenhum lado por superstição

Também é comum que os aviões não tenham fila 13 (se supõe que os passageiros não comprariam passagens para esta fila). 

A fobia a este dia se chama Triscaidecafobia.

As conotações negativas que são atribuídas ao martes 13 não tem fundamentos científicos, motivo pelo qual se deve ter muito claro que só se trata de um mito.

Inclusive tem muita gente que toma ao revés, e que considera na verdade como um dia de sorte. 

Tanto assim, que durante esse dia muitos apostam por esse número nos jogos de azar.

As conotações aplicadas a este dia são iguais às atribuídas à sexta-feira 13 nas culturas anglo-saxônicas ou a sexta-feira 17 na Itália.



MAS, POR QUE O 13?

Por seu lado o número treze desde a antiguidade foi considerado como de mal augúrio já que na Última Ceia de Jesus Cristo havia doze apóstolos e Jesús. 

Se considera a Judas, o traidor, como o número 13. 

A Cabala enumera a 13 espíritos malignos, ao igual que as lendas nórdicas; no Apocalipse, seu capítulo 13 corresponde ao anticristo e à besta, entre outras crenças.



POR QUE A TERÇA-FEIRA?
 
Terça-feira (ou martes, em espanhol) 29 de maio de 1453 caiu a cidade de Constantinopla. 

Segundo parece, o papa e as Repúblicas de Veneza e Gênova enviaram uma frota de ajuda à cidade sitiada, mas esta cairia antes de que chegara. 

Quando a frota de socorro ia entrar pelo estreito dos Dardanelos, se cruzaram com uns poucos barcos de refugiados que fugiam da cidade conquistada; ao perguntar quando havia caído, eles responderam que na terça-feira. 

A queda de Constantinopla foi o presságio de um profundo trauma para as potencias cristãs, e o dia de sua queda, a terça-feira, associado além disso ao deus da guerra romano, passou a considerar-se de má sorte.

"Martes" é uma palavra que deriva do nome do planeta Marte, que na Idade Media era chamado "o pequeno maléfico" e que significa vontade, energia, tensão e agressividade

Marte é o deus da guerra, motivo pelo qual o dia martes está regido pelo planeta vermelho, o da destruição, o sangue e a violência. 

Além disso, a lenda diz que em uma terça-feira 13 se produziu a confusão dos idiomas na Torre de Babel.

Gostou das dicas? Então inscreva seu e-mail para receber todas as novidades.

CONVERSATION

0 comentários:

Postar um comentário

Instagram

@depasseiopor