Como pagar o metrô em Buenos Aires


A partir de 2 de maio, o clássico Subtepass - o cartão com tarja magnética que você compra no metrô - será dado de baixa e só será possível pagar as viagens de metrô com o cartão SUBE ou o Monedero. Assim anunciou Subterráneos de Buenos Aires Sociedad del Estado (SBASE), empresa do Governo portenho que administra a rede. Em dezembro, tomou-se uma medida similar para os translados em ônibus, que deixaram de aceitar pagamento com moedas.

Saiba tudo sobre o cartão SUBE  ou sobre o cartão Monedero. Os cartões também podem ser adquiridos nas estações de metrô Florida da linha B e Congreso de Tucumán da linha D, de segunda a sexta das 11:00 às 19:00h.





Hoje, um dos principais problemas associados com os cartões SUBE e Monedero são as recargas. Alguns comércios cobram um adicional ($1, $2 pesos) ou vendem o cartão a um custo maior e mesmo assim sem crédito. As duas ações são ilegais mas são situações que podem acontecer.

Vale lembrar que existe a possibilidade de viajar com um saldo negativo de até $10 (pesos). E a empresa SBASE também informou que caso o usuário precise recarregar o cartão e o sistema de recarga não esteja funcionando nas boleterías, será avaliado o que fazer nesse caso em particular lá na hora mas cartão subtepass, não mais.


As dicas e sugestões neste artigo e artigos relacionados são apenas para fins informativos e auxiliares, e não podem ser base para qualquer reclamação contra o blog DePasseioPor.

CONVERSATION

0 comentários:

Postar um comentário

Instagram

@depasseiopor